‣ CREATIVE SITE: Desenvolvimento de Sites | Lojas Virtuais | Sistemas Web | Hospedagem de Sites - SOLICITE SEU ORÇAMENTO
Buscar Notícias:
Denian Martins
Coluna: Lugar de Paz
Publicado: 05/12/2014 às 21:20:02
Símbolos Natalinos
Natal é a comemoração do nascimento do Salvador da humanidade: Jesus Cristo. A Bíblia nos afirma que Cristo nasceu da virgem Maria, que achou-se grávida do Espírito Santo, cumprindo a profecia que fora feita por Isaías 800 anos antes: “Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: A virgem conceberá e dará a luz um filho e será o seu nome Emanuel.” Isaías 7:14

O presépio, portanto, é um símbolo natalino que remonta o ambiente em que Cristo nasceu: a estrebaria, porque não havia lugar para hospedagem de Maria e José nas estalagens da cidade de Belém. Tanto os sinos de Natal quanto a estrela são o símbolo da anunciação de que o Salvador nasceu, sendo que a estrela é relatada no evangelho de Mateus para guiar os reis ao local do nascimento.

As luzes natalinas simbolizam o próprio Cristo, como é descrito noutra profecia de Isaías a respeito do nascimento do Messias: “o povo que andava em trevas, viu uma grande luz, e sobre os que habitavam na região da sombra da morte resplandeceu a luz.” Isaías 9:2

A troca de presentes é uma das tradições mais antigas do Natal, levando as pessoas a presentearem-se umas às outras na data do Natal, semelhante os reis magos fizeram a Cristo, ofertando ouro, incenso e mirra ao Rei nascido.

Porém, alguns símbolos natalinos bem tradicionais não tem nenhuma ligação com o nascimento de Jesus e o verdadeiro sentido do Natal.

A árvore de Natal, por exemplo, um dos símbolos mais populares na comemoração do Natal, tem sua origem associada à comemorações pagãs dos babilônios, egípcios e até mesmo ao reformador Martinho Lutero. Por ser uma das únicas árvores que sobrevive ao frio intenso dos países do norte, o pinheiro de Natal simboliza a vida.

Os romanos tinham a prática de oferecer folhagens como voto à saúde, e a guirlanda veio desta tradição, simbolizando saúde.
E mesmo o Papai Noel vem da história de um bispo do norte que ajudava as pessoas e presenteava crianças. O Papai Noel que hoje conhecemos, com roupas vermelhas e barba branca, foi associado ao Natal graças a uma forte campanha de marketing da Coca-Cola no século passado, fora isso, ele nada tem a ver com a comemoração cristã.

Sendo assim, Cristo deve ser o centro do nosso viver e do nosso Natal, pois Ele se deu por nos amar, se humilhou e deixou toda Sua glória pra nascer como homem por amor a nossas vidas. Devemos ama-Lo de todo nosso coração e sabermos que não existe festa sem Ele. Ele é mais que um mero símbolo natalino, mas é o Natal em si.
Devemos adorar ao nome de Jesus Cristo e lembrarmos do tamanho amor d’Ele por nós que O levou a renunciar ser igual a Deus para nascer feito homem, feito eu e você.

Se você quiser ler mais a respeito, acesse:  http://ibccordeiropolis.blogspot.com.br/2014/12/natal-e-os-simbolos-natalinos.html
Últimos Artigos
Símbolos Natalinos
Página anterior
Cordero Virtual - Notícias do Brasil e do Mundo - 2001-2017
Não temos nenhuma responsabilidade por qualquer conteúdo publicado neste site nas quais são citadas as fontes ou assinados.
Proibida cópia total ou parcial do conteúdo deste site sem a devida autorização.
Desenvolvimento de Sites e Lojas Virtuais
Desenvolvimento de Sites e Lojas Virtuais